9.9.16

NASA construirá avião supersônico de passageiros

A volta dos aviões de passageiros supersônicos ficou mais próxima da realidade com o anúncio de que a NASA irá financiar o projeto de uma aeronave de demonstração de baixo ruído.
E quando se fala em baixo ruído de aviões supersônicos a principal referência é ao estrondo sônico, o barulho quase explosivo associado às ondas de choque criadas quando o avião quebra a barreira do som.
O Concorde só podia superar a barreira do som quando estava voando sobre o mar, devido ao risco de quebrar janelas e causar outros acidentes mais graves. Mas esse é um limitador importante e pode fazer a diferença na viabilidade econômica da aeronave.
X-Aviões
O projeto do avião supersônico será o primeiro de um programa chamado Novos Horizontes da Aviação, no qual a NASA pretende construir vários "X-aviões", ou aviões do futuro.
Para esse primeiro projeto foi selecionada uma equipe liderada pela Lockheed Martin Aeronautics, que deverá elaborar o projeto preliminar da tecnologia QueSST (Quiet Supersonic Technology, ou tecnologia supersônica silenciosa).
O projeto descreverá um avião supersônico de teste pilotado que seja capaz de criar o que a agência chama de "pulsação supersônica" - uma referência ao som de um batimento cardíaco, em substituição ao estouro sônico de alto potencial destrutivo. Leia mais...

19.8.16

A maior aeronave do mundo.

O Airlander 10, maior aeronave do mundo, decolou pela primeira vez no dia 17 de agosto. O voo inaugural deveria acontecer no domingo, mas por causa de problemas técnicos ele teve que ser adiado para a quarta-feira.
E desta vez, apreciadores de aeronaves do mundo todo puderam apreciar a decolagem no aeroporto Cardington, perto de Londres, o mesmo lugar em que este tipo de aeronave era construída durante e depois da Primeira Guerra Mundial.  Leia mais...

31.7.16

O novo F-35 Lightning II USA

O F-35 Lightning II é uma família de caças multiuso em fase final de desenvolvimento e teste pelas Forças Armadas dos Estados Unidos. Criado para realizar ataques ar-terra e ar-ar, além de cumprir missões de defesa aérea, esse avião de guerra possui três variações (F-35A, F-35B e F-35C) e seu primeiro esquadrão foi declarado pronto para uso há pouco mais de um ano.
O programa de desenvolvimento dos F-35 Lightning II é considerado o mais caro da história, pois os caças possuem tecnologia de ponta e um armamento extremamente avançado e massivo. Cálculos indicam que o programa já custou US$ 400 bilhões, aproximadamente R$ 1,3 trilhões, e o gasto completo deve atingir US$ 1,5 trilhões até 2070, algo em torno de R$ 5 trilhões, somando todo o desenvolvimento e o valor dos futuros aviões que ainda vão ser produzidos.
Desenvolvido e fabricado na planta da Lockheed Martin em Fort Worth, Texas, o F-35 Lightning II é capaz de portar pouco mais de oito toneladas de armamento entre mísseis e projéteis de todo tipo. Leia mais...
Flying Low © 2008 Template by:
SkinCorner